Como uma jovem conseguiu revolucionar a ideia de design

Melanie Perkins era uma estudante de 19 anos, australiana. Com a visão de democratizar o design, ela idealizou o aplicativo Canva – Criar imagens e desing. A essência surgiu de imaginar o futuro. Melanie avaliou e considerou que o design seria algo mais acessível, online, colaborativo e simples.

Desta ideia, criou a iniciativa em 2013 e, com interface intuitiva, reúne modelos editáveis, um bom banco de imagens e uma extensa galeria de fontes.

Melanie hoje tem 30 anos e é CEO da empresa que está na denominação de “unicórnio”, que são as marcas que valem mais de um bilhão de dólares.

Imaginar o futuro e colocar em prática

Para inovar, Melanie apenas precisou imaginar um futuro diferente. Porém, tirar uma ideia do papel e fazer funcionar não é tão simples. Melanie relata que muitas pessoas não acreditaram em seu projeto, e que os feedbacks negativos serviram de aprendizado para trazer melhorias ao aplicativo.

Com mais de 108 idiomas e usado em 190 países, o que mais alegra a idealizadora são as ONGs que utilizam os templates sem fins lucrativos, apenas para ajudar alguma causa ou difundir uma mensagem.

Melanie não acredita que tenha atingido o auge. Está em busca de novas atualizações para o app e diz ter metas grandiosas. Acredita que alçar objetivos grandes está nos valores do Canva, e nos próprios.

Para mudar o status quo é necessário duas coisas: Uma boa ideia e perseverança.

Please follow and like us:
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial